Tag: ‘Japão’

Pop Kanji #16 – azuki

27 de novembro de 2011 - domingo - 14:48h   •   Categoria(s): Pop Kanji

= pequeno, pouco
= ervilhas, feijões, grãos, nanico

O kanji usado para azuki é do tipo gikun (義訓), onde as combinações dos kanjis não têm uma relação direta com as leituras on’yomi ou kun’yomi dos kanjis individuais. Os kanjis são utilizados apenas pelo seu significado. A leitura gikun é o oposto do ateji (onde não há conexão com o significado, e sim, apenas com a sonoridade do kanji – ex: sushi).

Por este motivo, não é possível definir qual kanji corresponde a cada sílaba da palavra azuki.

Abaixo, uma foto com os grãos de azuki.

E alguns dos pratos da culinária japonesa onde é usado o azuki.

Festival do Japão 2011

17 de julho de 2011 - domingo - 23:07h   •   Categoria(s): Cotidiano, Cultura japonesa

Se dizem que o Festival todo ano é a mesma coisa, então eu vou todo ano fazer a mesma coisa: comer e me divertir!! =)

A verdade é que, pra uma pessoa da minha compleição física (ehn?), chega a ser desesperadora a vontade de experimentar todas as comidas dos stands de províncias, mas ser limitada pelo tamanho do estômago.
Então, a cada ano, eu foco em um prato. Hehe.

Esse ano, no domingo (que é quando eu tirei foto), eu fui de okonomiyaki de Hiroshima.

Decoração do stand de Hiroshima: tsurus em memória às vítimas da bomba
Okonomiyaki sendo feito na chapa
OooOooOoOookonomiyaki!

Eu achei que havia mais temas nerds esse ano também. Me surpreendi com a quantidade de coisas de video game…

Donkey Kong dando um rolê
Pontos de XBox 360
Stand com vários Nintendo 3DS pra jogar
Kinect

E fiquei cabrêra (rs…) com a quantidade de Lolitas e coisas otaku… =P

Banda de anime songs
Boneca lolita no stand de roupas para Lolitas

Já na parte cultural tradicional, tinha uma exposição de bonecas clássicas.

E, por último, mas não menos importante… =)
No sábado eu fui com o namorado, pra curtir um pouquinho, encher a pança e namorar. ^_^
No domingo, rolou um encontro do pessoal do Twitter!! \o/ Muito bom passar o dia com @jyussu, @raphamotta, @gesiane, @branca_jana, @ginolas, @pedromanoel, @FelipeNasca, a irmã do Pedro e o amigo do Rapha que não tem Twitter (mas a gente pede pro Rapha pedir pra ele criar!! rs…).
Pena que faltou a @cintation, que não pôde ir… mas certeza que a gente marca algo de novo pra poder estar todo mundo!!

Terremoto no Japão – vocabulário

11 de março de 2011 - sexta-feira - 18:15h   •   Categoria(s): Cultura japonesa

Assistir à NHK com seus noticiários sobre o terremoto no Japão foi um jeito triste de aprender novas palavras em 日本語. De qualquer forma, vim dividir com vocês um pouco do que já sabia e do que aprendi hoje, do vocabulário relacionado a essa tragédia.

巨大 – きょだい – kyodai – gigante, enorme
巨 = enorme, grande, gigantesco
大 = grande, enorme, muito
地震 – じしん – jishin – terremoto
地 = chão, terra
震 = agitar, sacudir, tremer

震度 – しんど – shindo – escala de terremoto
震 = agitar, sacudir, tremer
度 = grau

大津波 – おおつなみ – ootsunami – grande tsunami
大 = grande, enorme, muito
津 = porto, balsa
波 = onda

警報 – けいほう – keihou – aviso, alarme
警 = advertir
報 = notícia, relatório, informar
(tsunami keihou = aviso de tsunami)

太平洋 – たいへいよう – taiheiyou – Oceano Pacífico
太 = espesso, gordo
平 = paz, plano, liso
洋 = oceano

沿岸 – えんがん – engan – costa, litoral
沿 = bordear, correr ao lado
岸 = costa, praia

死亡 – しぼう – shibou – morte, mortalidade
死 = morrer, morte
亡 = desaparecer, perecer, falecido

情報 – じょうほう – jyouhou – notícia, informação
情 = circunstâncias, sentimentos, simpatia
報 = notícia, relatório, informar

Neste link http://www.ustream.tv/channel/nhk-gtv é possível assistir a NHK pela internet. Lá vocês poderão, infelizmente, escutar estas palavras repetidamente.
Tentem identificar os kanjis escritos também.

Pop Kanji #13 – sushi

25 de setembro de 2010 - sábado - 15:40h   •   Categoria(s): Pop Kanji

寿 = su = congratulações, longevidade, vida natural.
= shi = administrar, dirigir, governar

Imagino que a primeira pergunta que vem à cabeça seja: “Ué? Mas o que tem a ver o significado do kanji?”

Este é um caso de leitura ateji, onde os kanjis são utilizados pela sua fonética, podendo o significado ter relação ou não. Uma explicação legalzinha (fonte = um internauta) que eu achei na internet sobre sushi dizia o seguinte:

Pergunta: No cartaz que tem no restaurante de sushi, há 2 tipos de kanji: 鮨 e 寿司. Gostaria de saber sobre estas formas de uso e suas origens.
Resposta: Segundo registros de documentos e mokkan’s dos antigos períodos da Era Nara (710-794) e Heian (794-1185), originalmente, o sushi era uma técnica que tinha como objetivo a conservação e estocagem de carne e frutos do mar. No chinês simplificado, usa-se o kanj 鮓.
O sushi atual, onde se adiciona su (vinagre) no arroz é uma forma de culinária relativamente nova, dos últimos anos da Era Edo (1603-1868).
Apesar de a pergunta ser quanto às formas 鮨 e 寿司 de se escrever sushi, o kanji 鮓 foi utilizado até a invenção do nigirizushi no período Tenpou (10.dez.1830-02.dez.1844), e somente com a grande popularização do atum que o kanji 鮨 foi introduzido.
Quanto ao kanji 寿司, mesmo tendo sido originado em meados da Era Edo, sua ampla utilização se deu somente a partir da Era Meiji.
Desta maneira, apesar de a forma 寿司 ser a reconhecida atualmente, os kanjis são simultâneos em termos de origens.

Mais uma vez, a tradução não deve estar a melhor das maravilhas, mas acho que dá pra ter a ideia geral do conteúdo.

Tatami

5 de setembro de 2010 - domingo - 16:19h   •   Categoria(s): Cultura japonesa

De todos os itens de um quarto, o tatami é o que mais desperta interesse dentre os viajantes estrangeiros que já vieram ao Japão. O material que pode ser utilizado no chão das residências é extremamente extraordinário. O tatami se tornou um representante da cultura japonesa, tanto que na França, conseguir falar japonês tão bem quanto os japoneses é chamado de tatamiser [tatamizê].
Antigamente, o tatami não era colocado sobre todo o quarto como agora. Mesmo nas casas mais elegantes, o chão do quarto era de madeira, e somente em ocasiões de visitas que o tatami era posto, sendo usado de modo parecido com as almofadas (zabuton) atuais. Por ficar empilhado quando não estava sendo usado, o tatami ganhou este nome. “Tatami” vem do verbo “tatamu“, que no vocabulário antigo  significava empilhar.
Pelo fato de o tatami ser um “móvel” que podia ser deslocado com facilidade, ao ser empilhado ou combinado de diversas formas, isto possibilitava um único quarto ser usado de diversas formas, como sala de visitas quando estas vinham à casa, como sala de estar para uma conversa prazerosa, ou como escritório numa tarde qualquer. Ainda atualmente, um quarto com tatami pode ser utilizado com diversos objetivos.
Fabricado com palha (藁 – わら – wara) e junco (藺草 – イグサ – igusa [igussá]) secos, o tatami “respira”, servindo para tirar a umidade do quarto e deixar sua atmosfera limpa. Por não ser nem muito rígido nem muito mole, é uma superfície sobre a qual é agradável de se andar descalço. E justamente pela razão de os japoneses gostarem de andar descalços sobre o tatami, muitos pessoas se preocupam em manter uma boa limpeza da casa.

O texto acima foi traduzido (por mim) a partir do livro みんなの日本語 – 中級I本冊 (Minna No Nihongo – Chuukyuu I Honsatsu). A fonte original indicada é:
秋岡芳夫監修 「発明発見物語全集 15 建築の発明発見物語 ― 住まいの始まりから未来都市まで」 国土社より、一部を改変して掲載
(Akioka Yoshio kanshuu “Hatsumei Hakken Monogatari Zenshuu 15 Kenchiku no Hatsumei Hakken Monogatari – Sumai no Hajimari kara Miraitoshi made” Kokudosha yori, ichibu wo kaihen shite keisai)

Bom, o que eu entendi mais ou menos de tudo isso da fonte foi que o livro chama-se “Histórias de Invenções e Descobertas da Arquitetura – Do começo da moradia até a cidade do futuro”, e é o volume 15 do “Trabalhos Completos sobre Histórias de Invenções e Descobertas”, organizado por Akioka Yoshio, publicado pela Kokudosha.

ps: Como é difícil traduzir textos a partir do japonês, né?